De onde vem os presentes de Natal?

Pelo menos boa parte...


Criatividade dos alunos para colar...

Se eles usassem essa criatividade para estudar a escola seria um lugar mágico.


Casas-Prego

Fenômeno decorrente da urbanização/verticalização acelerada das grandes cidades, as chamadas Casas-Prego são aquelas residências de proprietários que se recusam a vendê-las para grandes empreendimentos, sejam eles imobiliários ou comerciais.

As casas ficam ilhadas, como o caso abaixo, na cidade de Seattle - EUA. Algumas famílias se recusam a se desfazer dos bens, gerando esses casos curiosos ou dramáticos.




Atualmente, no Brasil, o boom imobiliário e a elevação do preço dos terrenos fazem com que muitas famílias sejam assediadas para vender seus terrenos. As construtoras chegam a oferecer, além de dinheiro, um apartamento no imóvel que será erguido após a derrubada da residência localizada naquele terreno. Algumas pessoas recusam-se a vender. 

É importante saber, porém, que essa recusa, no Brasil, não pode ser feita quando o agente desapropriante é o governo. É que nossas leis dizem que o "interesse público" se sobrepõe ao privado. Portanto, se o governo quiser desapropriar alguém para construir um viaduto ou uma escola infantil, por exemplo, esse fenômeno Casas-Prego não acontecerá. 

Reclamações sobre os valores das indenizações por parte do governo não são raras. O caminho é acionar a Justiça pleiteando valores mais altos. O que quase sempre não agrada ninguém: pela morosidade do processo e pelo resultado.

Fonte: Portal Hypeness. Disponível em: http://www.hypeness.com.br/2013/08/serie-de-fotos-mostra-casas-que-sobreviveram-ao-crescimento-das-cidades/. Acesso em: 27 Ago 2013. Adaptado.

Deixaremos de usar baterias?

Isso pode acontecer caso se desenvolva uma nova tecnologia desenvolvida na Universidade de Washington, EUA.

Ela vem sendo chamada de "Ambient Backscatter", que faz com que os sinais de televisão, rádio e wifi - que nos rodeiam o tempo todo - sejam convertidos em energia elétrica entre os aparelhos que as captam.

A chamada "Internet das Coisas" trata-se de um novo sistema de comunicação sem fio que além de enviar emails, em testes, dispensou uso de energia por baterias. Falta desenvolvê-la para adquirir maior potência.

Talvez a tecnologia possa deixar o uso de equipamentos eletrônicos mais eficiente do ponto de vista ecológico, já que o calcanhar de Aquiles do desenvolvimento tecnológico atual é o fraco desenvolvimento das baterias. 

Deixar esses equipamentos menos dependentes de energia já seria um avanço. Deixá-los independentes seria uma revolução.

Clique na imagem acima para melhor visualização.

Fonte: Portal Olhar Digital. Disponível em: http://olhardigital.uol.com.br/noticia/tecnologia-faz-eletronicos-funcionarem-sem-bateria/36836. Acesso em: 24 Ago 2013. Adaptado.



Por que o sol se põe, em alguns lugares, às 21:00h?

Em uma reportagem para a a televisão, um repórter dizia que na Alemanha o sol estava se pondo próximo das nove da noite, isso em Agosto.

Perguntaram-me por que isso acontecia, já que como geógrafo, deveria dar uma boa explicação para o fato. Respondendo então:

>Você deve se lembrar que quanto mais próximo da Linha do Equador, menor é a variação da insolação durante o ano. Os raios solares incidem quase que de maneira perpendicular (reta). O padrão é o sol nascer às 06:00h e se pôr às 18:00h (12 horas de dia e 12 horas de noite).

>À medida que você se distancia da referida linha (para o norte ou para o sul), mais diferença acontece em relação à incidência dos raios solares. No Verão os raios solares são mais abundantes em relação ao período de tempo disponível. No Inverno o contrário, portanto os dias são mais curtos. 

>No caso de Belo Horizonte (latitude média - não muito perto da Linha do Equador e nem muito longe) os Verões tem dias um pouco mais longos (cerca de mais 45 minutos no pôr do sol, aproveitados com a instalação do Horário de Verão, justificando o porquê de às 19:40h ainda estar de dia nesse período).

>Na Alemanha, a distância da Linha do Equador é muito maior. Em Agosto lá é Verão. Portanto, os dias são muito mais longos, chegando às 21:00h em horário local. Porém, no Inverno, o contrário acontece: as noites são muito mais longas, e a quantidade de raios solares ínfimas, o que faz do país uma região propensa a ser muito fria, com neve, por exemplo. É isso.


O automóvel é o problema do trânsito

Clique na imagem acima para melhor visualização.

Quanto melhor a educação, pior para os políticos

Existe um estudo que constata que quando o IDH de uma cidade é maior (portanto saúde e educação estão melhores naquela localidade), mais difícil é para os políticos se reelegerem.

Erro no sistema

Brasigildo, acompanhado de sua esposa, é multado pela PM por seu filho, de 4 aninhos, estar no banco de trás de seu Chevette sem usar aquela cadeirinha.

O veículo seria retido até que o cidadão comprasse uma e a instalasse imediatamente. Ou se a esposa levasse seu filho, com todo "conforto e segurança", de ÔNIBUS!

O ônibus não passava e Brasigildo decidiu chamar um táxi. Chegando, ele coloca sua mulher no banco de trás junto com sua prole, no colo, SEM a cadeirinha: a lei não obriga que os táxis ofereçam o dispositivo de segurança.

Moral da História: "Erro no sistema. Deseja formatar o Brasil agora?" PQP!


Táxis não são obrigados a ter o dispositivo? A lei não vale para todos?

Genuflecte diante de mim

Sir. Geogre - Líder dos Cavaleiros Eternos.
Benefícios de assistir desenho animado:
>Aprender novas palavras.
>Desenho: Ben 10 Supremacia Alienígena - 3ª Temporada.
>Diálogo:

Sir. George: "Vocês agora podem genuflectir!"
Kevin: "Eu genuflecto a hora que eu quiser!"
Gwen: "Genuflectir é ajoelhar!"

Fui olhar no dicionário e para minha surpresa a palavra existe mesmo. Segue link do dicionário:


Desenho animado também é cultura!

Onde começa e onde termina o Ocidente?

Os meridianos não devem ser levados em consideração para delimitar onde fica o Ocidente e onde fica o Oriente. Isso porque se for levado ao pé da letra, a Europa ficaria literalmente no Oriente, já que a maior parte de seu território está localizada a leste do Meridiano de Greenwich.

Portanto, para designar o que é Oriente e o que não é, alguns geógrafos consideram a relação da região com a religião predominante, e não com a localização do país. Assim, Oriente está ligado àqueles países que são majoritariamente muçulmanos ou budistas. Ocidente está ligado àqueles países onde o cristianismo ou judaísmo é mais forte.

Derivam-se algumas curiosidades:
>Austrália e Nova Zelândia - Ocidente!
>Israel - Ocidente.
>Palestina - Oriente.

Fonte: Revista Superinteressante.

Para acesso à reportagem-fonte, clique na imagem acima.

Qual país tem mais fusos horários?

Qual país tem a maior quantidade de fusos horários?
>Rússia em primeiro lugar: 11 fusos.
>EUA em segundo: 9 fusos.
>Canadá em terceiro: 6 fusos.

>China: deveria ter 5 fusos, mas em decisão política polêmica, tem apenas 1!
>Brasil: atualmente tem 3 fusos.

Fonte: Revista Superinteressante.

Clique sobre a bandeira para ler a fonte dessas informações.

Contra a falta de estacionamento: balões!

Caos urbano, carros para todos os lados. Estacionar? Tarefa das mais difíceis para os seres urbanos. Na Coréia do Sul uma ideia simples para facilitar a vida de quem está precisando de uma vaga.

O que é preciso: barbantes e balões. Penso que não funcionaria no Brasil, aqui as pessoas teriam como esporte estourá-los. Alguém duvida?

Fonte: Portal Hypeness.

Clique sobre a imagem para a reportagem.


Adesivo espanta pernilongos

Se um adesivo que cola na roupa funcionar contra mosquitos e pernilongos, dá o prêmio Nobel da Paz para a empresa. Em Belo Horizonte estão quase nos carregando, e no Inverno!!! Imagina o Verão! Promete!

Agora um adendo: estrangeiros que estiveram no Rio de Janeiro para a JMJ disseram o que mais incomodava no Brasil: errou quem disse a violência. É a sujeira! Adivinha quem gosta de sujeira? Nossos "amiguinhos" alados.

E olhando bem, olha como nossas cidades são sujas. Somos uns broncos?

Fonte: Portal Hypeness.


Clique sobre a imagem para a reportagem.

As 10 mais lidas