Questões no Ártico

O Ártico está na mídia
"Notícias da região do Ártico levantam dados sobre a corrida ao petróleo em suas águas. Nações reclamam parte das riquezas sob o fundo do Oceano Glacial Ártico, enquanto o aquecimento global expõe áreas antes cobertas por gelo, pois a extensão do gelo marítimo no Ártico diminuiu por volta de 14% desde os anos 1970. A mídia destacou que os russos instalaram sua bandeira em turfa submarina e que a guarda costeira americana mapeou o mar de Bering."


Sobre o assunto tratado no texto, pode-se afirmar que:
a - Os direitos aos recursos localizados no assoalho submarino são definidos com a colocação de bandeiras, como no período de colonização das fronteiras.
b - As regras que possibilitam reivindicar os recursos dos leitos submarinos vêm da Convenção da ONU sobre o Direito do Mar.
c - Há um acordo entre os países que circulam o Ártico - Rússia, Canadá, EUA, China e Inglaterra - para explorar os recursos marinhos.
d - Com o degelo do Ártico, a navegação e a exploração de minérios não serão beneficiadas e o meio ambiente não será impactado.
e - A Convenção da ONU sobre o Direito do Mar possibilita a todas as nações costeiras terem direitos econômicos iguais sobre o Ártico.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra B )

Fonte: Vestibular Unesp 2012. Adaptada.

Polos magnéticos e geográficos

A Terra comporta-se como um imenso ímã, ou seja, tem magnetismo próprio. Observe as figuras, que são representações do campo magnético da Terra.


A partir da observação das figuras e de seus conhecimentos, pode-se afirmar que:
a - Se buscarmos as coordenadas geográficas do polo norte magnético para atingir o polo norte geográfico, o provável é que não chegaremos lá, porque a localização dos polos magnéticos da Terra não coincide com a dos polos geográficos.
b - O polo norte magnético encontra-se na costa norte do Alasca e o polo sul magnético na costa oeste da Antártida.
c - Se buscarmos as coordenadas geográficas do polo sul magnético para atingir o polo sul geográfico, o provável é que alcançaremos nosso intento, porque a localização dos polos magnéticos da Terra coincide com a dos polos geográficos.
d - O polo norte magnético encontra-se na Groenlândia, na América do Norte, e o polo sul geográfico na costa norte da Antártida.
e - O polo norte magnético encontra-se na costa norte do Canadá, no oceano Atlântico, portanto, junto à localização do polo norte geográfico.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra A )

Fonte: Vestibular Unesp 2012.

Resumão União Europeia

Crise Europeia
-A criação do bloco europeu foi até pouco tempo bem sucedida.
-Bloco pioneiro, pelo foto do grau de integração grande comparado a outros blocos pelo mundo.
-O bloco europeu contempla, além da circulação de capitais e mercadorias, a circulação de pessoas.
-A política monetária comum, através da adoção do Euro como moeda única entre os países, além das taxas de juros única estipulada para todos os países do bloco, deu força aos países menos favorecidos economicamente, fazendo mais e mais interessados a ingressarem no bloco.
-Mas essa grande integração foi o gerador da crise.
-Países em crise não têm autonomia para elevar ou baixar a taxa de juros, por exemplo, como faz o Brasil quando se vê ameaçado por crises ou inflação. E isso pesa para os países que começaram suas crises, a exemplo da Grécia, com uma dívida em mais de 100% do PIB.

Tratados do Bloco
1 - Tratado de Roma (1957): embrião da União Europeia.
2 - Tratado de Maastricht (1992): amplia as regras da União da Europeia, criando a previsão de adoção do Euro por todos os países.
3 - Tratado de Schengen (1999) : autoriza a livre circulação de pessoas dentro do bloco, com exceção da Irlanda e do Reino Unido, com adoção de três países não-membros.
4 - Acordo de Nice (2000): ampliação do bloco, que passa a aceitar o ingresso da maior quantidade de ingressantes até então.
5 - Tratado de Lisboa (2007): polêmico, queria aprovar um plano ambicioso de adotar uma Constituição única europeia. Isso representa uma tentativa de unificação do ordenamento jurídico, com um presidente europeu, eleito por membros do Conselho Europeu.

Co m a recente crise o futuro do bloco é incerto.

Agenda de segurança sul-americana

Desde o fim dos governos militares, a América do Sul tem tido um dos mais baixos gastos militares no mundo. Mas o fim das crises econômicas que assolaram o continente entre os anos 1997 e 2000 propiciou condições financeiras para a reemergência de projetos das Forças Armadas e o crescimento dos orçamentos militares para a segurança e defesa em diversos países da região.

a - De quais assuntos se ocupa a agenda de segurança e defesa dos governos nacionais?
( Narcotráfico, terrorismo e insurgências, migrações descontroladas, crime organizado, marginalidade social com violência, degradação ambiental, proteção de recursos naturais, conflitos regionais, disputas fronteiriças, perda de território, todas ameaças de segurança e defesa da ordem estabelecida. )

b - Quais as principais motivações para a modernização das Forças Armadas por parte dos países sul-americanos?
( Corrigir a obsolescência do parque militar após anos de falta de investimentos; instrumentalizar-se para participar de missões de paz em outros países; enfrentar ameaças como o narcotráfico, guerrilhas e possíveis invasões militares; aumentar influência em organismos internacionais como o Conselho de Segurança da ONU. )

Respostas sugeridas: selecione os espaços entre parênteses acima.
Fonte: Vestibular Unicamp. 2011.

Decadência norte-americana

Líder hegemônico da ordem mundial no século XX, os EUA, desde 1945, tornaram-se o principal pilar do sistema financeiro e bancário mundial e, desde 1971, com o fim do padrão dólar-ouro, instituído no Acordo de Bretton Woods (1944), ficou aberto o caminho para uma crescente circulação de dólares americanos no mundo. A emergência de novos polos de produção industrial no mundo e a perda de competitividade da produção americana implicaram um crescimento da dívida pública e privada norte-americana. O motor principal da crise sistêmica atual que afeta o conjunto do planeta encontra-se nos EUA.

a - Constata-se que há vários anos a economia norte americana em perdendo dinamismo. Quais os principais fatores dessa perda de dinamismo?
( -Perda de competitividade frente a outros centros econômicos: União Europeia, China, etc.;
-Crise do sistema educacional, afetando a formação de recursos humanos;
-Deterioração de algumas estruturas produtivas;
-Dependência energética do exterior: como o petróleo;
-Gastos militares elevados: a guerra contra o terror tem um custo alto;
-Mão-de-obra cara frene a outros competidores, como a China. )

b - Qual foi o principal fator desencadeante da atual crise sistêmica que se aprofundou em 2008? Qual foi o efeito imediato da crise, no aspecto financeiro?
( Estouro da bolha imobiliária, um forte processo especulativo ou crise imobiliária, contagiando toda a economia mundial. Houve recessão econômica, com falência de empresas e bancos, aumentando o desemprego. )

Respostas sugeridas: selecione os espaços entre parênteses acima.
Fonte: Vestibular Unicamp. 2011.

Climas e Vegetações

Os climogramas abaixo representam dois tipos climáticos que ocorrem em território brasileiro. Observe-os e responda:

Clique na imagem para ampliação.

a - A que tipos climáticos se referem as figuras 1 e 2, respectivamente?
( O climograma 1 refere-se ao clima subtropical e o 2, ao clima semiárido. )

b - Qual a vegetação características das respectivas regiões?
( No clima subtropical as vegetações características são a Mata de Araucária e os Campos; no semiárido a Caatinga. )

Resposta correta: selecione os espaços entre parênteses acima.
Fonte: Vestibular Unicamp. 2011.

Belo Monte

As discussões sobre a instalação da Usina Hidrelétrica de Belo Monte iniciaram-se no começo da década de 1970, definindo os primeiros diagnósticos sobre o inventário hidrelétrico da bacia hidrográfica na qual a usina será instalada. Em fevereiro de 2010 foi concedida a licença ambiental para a construção da usina, considerada a maior usina hidrelétrica totalmente brasileira.

a - Em qual bacia hidrográfica será construída a Usina Hidrelétrica de Belo Monte, e em qual unidade federativa será localizada?
( Será construída na Bacia Amazônica, no Rio Xingu, Estado do Pará. )

b - Aponte um impacto ambiental e um impacto sócio-econômico decorrentes da instalação e do funcionamento de uma usina hidrelétrica de grande porte no bioma em que será instalada a usina de Belo Monte.
( Como impacto ambiental pode-se citar o alagamento de grande área, com possível extinção de espécies da fauna e da flora. Como impacto sócio-econômico cita-se a desapropriação e deslocamento de grandes quantidade de pessoas, mudando a organização espacial de áreas anteriormente ocupadas. )

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses acima.
Fonte: Vestibular Unicamp 2011.

Formação de Rochas

Rocha é um agregado natural composto por um ou vários minerais e, em alguns casos, resulta da acumulação de materiais orgânicos. As rochas são classificadas como ígneas, metamórficas ou sedimentares.

a - Quais são os processos de formação das rochas metamórficas?
( As rochas metamórficas são formadas a partir de rochas ígneas e sedimentares que sofreram com grandes pressões e altas temperaturas. Um exemplo de rocha metamórfica é a Gnaisse. )

b - A região Sul do Brasil destaca-se na produção de carvão mineral, que é extraído de rochas sedimentares do período Carbonífero. Que condições ambientais permitiram a acumulação desse material orgânico e que processos levaram à posterior formação do carvão mineral?
( É necessária a acumulação de restos orgânicos - florestas - em áreas rebaixadas, que permitem a lenta acumulação dos sedimentos, e presença de água, que retarda a decomposição da matéria orgânica. Os pântanos são os locais típicos de formação do carvão. Após a acumulação, o material orgânico precisa ser soterrado por sedimentos e passar por processos diagenéticos - temperatura e pressão. )

Respostas sugeridas: selecione os espaços entre parênteses acima.
Fonte: Vestibular Unicamp 2011.

Vertentes Naturais e Artificiais

Observe a figura de duas vertentes, uma em condições naturais (A) e outra urbanizada (B), e responda às questões.


a - Como a água de precipitação pode chegar aos rios?
( A água pode chegar ao rio pelo escoamento superficial - enxurrada, pode se infiltrar no solo e chegar ao lençol freático ou pela própria precipitação sobre os rios. )

b - A vertente B é densamente urbanizada. Que alterações na dinâmica da água serão observadas nessa vertente e no rio?
( A água se movimentará de forma mais acelerada pela superfície, a infiltração no solo será diminuída, consequentemente a quantidade de água que chegará ao canal será maior. O lençol freático terá uma quantidade menor de água devido à maior impermeabilização do solo. )

Respostas sugeridas: selecione os espaços entre parênteses acima.
Fonte: Vestibular Unicamp 2011.

Higienópolis

Higienópolis é um bairro da capital paulista, com moradores de classe média alta. Uma polêmica em torno do bairro é tema do texto abaixo, publicado no Jornal Folha de São Paulo: a resistência da população do bairro quanto à ideia da instalação de uma estação do metrô em uma das principais ruas do bairro.

O uso do espaço mostra-se aqui em um jogo de forças onde a classe social A e B, morando em enclaves fortificados, não deseja a presença/convivência com as classes C ou D, já que os condomínios fechados em que vivem reproduzem uma realidade de exclusão/fragmentação da cidade.

O texto foi tema da prova de Língua Portuguesa do vestibular do ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica - processo seletivo 2012. Clique em cima da imagem abaixo para leitura.



A ideia central do texto, segundo questão de prova do ITA e gabarito disponibilizado, é que o transporte público exige medidas técnicas e administrativas acompanhadas do cuidado com a paisagem urbana. Mas será que uma simples maquiagem na paisagem resolveria o problema em questão?

Justificativas de Israel

Durante os 30 últimos anos, outras ofensivas militares foram decididas dessa mesma forma pelo governo israelense: repressão da primeira Intifada, em 1987-1988; operação "Uvas da Cólera" contra o sul do Líbano e o Hezbollah, em 1966; operação "Baluartes", em 2002, durante a segunda Intifada; guerra contra o Hezbollah, em 2006; ataques do Hamas, em Gaza, em junho de 2006 e novembro de 2007, seguidos, em dezembro de 2008, pela ofensiva apelidada de "Chumbo Endurecido". Como designar esse novo adversário? Para os militares israelenses, existem apenas duas categorias de inimigos: o soldado e o terrorista. Como nenhum exército regular está envolvido, o seu oponente só pode ser um terrorista.


Baseado no texto acima, leia as afirmativas abaixo e marque a alternativa correta:

I - A designação do outro como sendo um terrorista modifica também as regras do jogo. Tão logo se trata de combater esse tipo de inimigo, vale tudo, pois as leis de guerra deixam de ser aplicadas. Assim, Israel expulsa seus adversários do campo político para confiná-los na esfera criminal.
II - Pouco importa então se os combates deixam um grande número de vítimas na população civil, uma vez que a culpa passa a ser dos terroristas que "se escondem por trás" dos inocentes; pouco importa que os meios aplicados pareçam desproporcionais, com a utilização maciça de blindados e o recurso sistemático a aviões de caça, uma vez que os terroristas não respeitam nada; pouco importa se as regras humanitárias do direito são desprezadas.
III - Em nome dessa lógica, Israel tentou sistematicamente assassinar os chefes, os executivos e, até mesmo, os simples militantes dessas organizações. A pena de morte não é legalizada, mas a política dos assassinatos planejados vem sendo praticada no país há décadas. Durante o cerco a Beirute em 1982, Arafat escapou de inúmeros atentados.
IV - Essa prática não foi inventada por Israel; ela se inscreve numa antiga tradição de guerras conduzidas por aqueles que não querem reconhecer nem o mérito nem a relevância dos combates travados contra o seu domínio.

a - Apenas as assertivas III e IV estão corretas.
b - Apenas as assertivas I, II e III estão corretas.
c - As assertivas I, II, III e IV estão corretas.
d - As assertivas I, II, III e IV estão erradas.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra C )

Fonte: Concurso Público Prefeitura Ouro Preto - MG. 2011. Adaptada.

Questões na Antártica

A Antártica ou Antártida significa, "oposto a ártico", é o mais meridional dos continentes e com menor população. Entende-se que o continente austral não possui população nativa. As estimativas da população no continente variam entre 2.000 e 4.000 pessoas, variando nas estações do ano. Juridicamente, a Antártica está sujeita ao Tratado da Antártida, pelo qual as várias nações que reivindicam território no continente (Argentina, Austrália, Chile, França, Noruega, Nova Zelândia e Reino Unido) concordam em suspender as suas reivindicações.


Os principais motivos para esse acordo entre os países e para a baixa ocupação do continente são, respectivamente:

a - Os referidos países concordam em permitir explorações petrolíferas e os riscos relativos à instabilidade tectônica.
b - Os referidos países concordam em permitir testes militares e atômicos e as dificuldades ligadas principalmente ao transporte deficitário.
c - Os referidos países concordam em permitir explorações econômicas e as dificuldades ligadas principalmente aos aspectos climáticos.
d - Os referidos países concordam em permitir explorações científicas e as condições inóspitas ligadas principalmente aos aspectos climáticos.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra D )

Fonte: Concurso Público Prefeitura Ouro Preto - MG. 2011. Adaptada.

Blocos econômicos

A multiplicação dos acordos e blocos econômicos regionais constitui um dos fenômenos mais marcantes do pós-Guerra Fria. A antiga paisagem plana, onde se destacava o cume praticamente solitário da Comunidade Europeia, foi preenchida por cordilheiras, montanhas e morros de blocos poderosos, intermediários ou pífios, ou apenas de projetos ambiciosos de megablocos transcontinentais.
Atualmente, ao lado da União Europeia, perfilam-se o Nafta, a Bacia do Pacífico e, em outra escala, o Mercosul, o Pacto Andino, o Mercado Comum Centro-Americano e muitos outros ainda menos significativos. Há também uma declaração política de países da APEC (Cooperação Econômica Ásia-Pacífico) projetando para as primeiras décadas do novo século a formação de uma zona comercial envolvendo países asiáticos e americanos.
A selva de blocos regionais não é habitada por uma única espécie de animais. Efetivamente, deve-se distinguir quatro tipos de tratados econômicos diferentes, e ainda uma modalidade de bloco regional espontâneo. (MAGNOLI, D. Globalização, Estado Nacional e Espaço Mundial. São Paulo: Editora Moderna, 1997. p. 44-58).


Após a leitura do texto, analise os enunciados a seguir:
1 - O tipo de tratado econômico menos ambicioso é XXXXXXX. A sua constituição envolve apenas um acordo entre Estados destinado a, na etapa final, eliminar as restrições tarifárias e não-tarifárias que incidem sobre a circulação de mercadorias entre os integrantes. Trata-se de um acordo circunscrito à esfera comercial, que não implica compromissos a respeito do intercâmbio de cada Estado com países externos ao bloco.
2 - Um pouco mais ambicioso é o tratado conhecido como XXXXXXX. Trata-se também de um acordo circunscrito à esfera comercial, mas define duas metas: a eliminação das restrições alfandegárias e a fixação de uma  tarifa externa comunitária. Essa tarifa externa consiste em um imposto de importação comum cobrado sobre mercadorias provenientes de países externos ao bloco.
3 - Nos planaltos da selva dos blocos encontra-se o hábitat de um animal superior: XXXXXXX. Tal tratado engloba as regras da União Aduaneira, mas não se contenta com elas. Ele tem por objetivo assegurar, além da livre circulação de mercadorias, a de capitais, serviços e pessoas, através das fronteiras políticas dos países integrantes. Dessa forma, não se restringe à esfera comercial, invadindo os domínios da legislação industrial, ambiental, financeira e educacional.
4 - Nos cumes mais altos da selva, existe um animal raríssimo: XXXXXXX, criado pelos governos europeus no Tratado de Maastricht. É o primeiro bloco dessa natureza da história. Trata-se de um mercado comum acrescdio de uma moeda única. No seu interior, as moedas nacionais seriam substituídas por uma divisa comunitária, emitida e controlada por um banco central supranacional.

Assinale a alternativa que contém a ordem correta dos elementos que completam as lacunas XXXXXXX presentes nos enunciados apresentados:
a - Zona de Livre Comércio - União Aduaneira - Mercado Comum - União Econômica e Monetária.
b - União Aduaneira - União Econômica e Monetária - Zona de Livre Comércio - Mercado Comum.
c - União Aduaneira - Mercado Comum - Zona de Livre Comércio - União Econômica e Monetária.
d - União Econômica e Monetária - Zona de Livre Comércio - União Aduaneira - Mercado Comum.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra A )

Fonte: Concurso Público Prefeitura Ouro Preto - MG. 2011. Adaptada.

Sistemas técnicos da globalização

A rapidez com que geograficamente se difundem as tecnologias do presente período mostra-se ainda maior quando a comparamos com o que o mundo conheceu na fase anterior. Era, então, um processo gradual de difusão, enquanto em nossos dias esse processo é brutal. Paralelamente, as novas tecnologias envolvem muito mais  gente e colonizam muito mais áreas. (SANTOS, M. A Natureza do Espaço: técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo: Edusp. 4ª edição. 2006. p. 179).


Sobre o processo de globalização e difusão das técnicas no mundo contemporâneo, todas as afirmativas abaixo estão corretas, exceto:

a - O funcionamento dos sistemas técnicos atuais é cada vez mais exigente de um controle coordenado, tendo em vista que a tecnologia está a serviço da produção à escala planetária.
b - O funcionamento dos sistemas técnicos contemporâneos realiza-se a partir da noção de integração, sendo que a generalização destes é uma das bases para a expansão da globalização econômica vigente.
c - Os sistemas técnicos empregados na expansão capitalista contemporânea buscam-se afirmar com mais força do que os do período precedente, no tentando essa generalização não representa um processo de homogeneização.
d - Os sistemas técnicos que se desenvolveram nas últimas décadas decretaram a impossibilidade de existência de inovações pertencentes a períodos distintos, sendo esse processo uma das marcas da expansão da globalização econômica.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra D )

Fonte: Concurso Público Prefeitura Ouro Preto - MG. 2011. Adaptada.

Estruturas geológicas do Brasil

Considerando as estruturas geológicas existentes no território brasileiro e suas características constitutivas, correlacione as colunas:

Coluna A
1 - Áreas cratônicas.
2 - Áreas de Dobramentos Antigos.
3 - Bacias Sedimentares.

Coluna B
(   ) Áreas antigas que se encontram extremamente arrasadas pelas várias fases dos processos erosivos, mas que preservam um aspecto serrano em grandes extensões.
(   ) Áreas cuja formação é datada do Fanerozóico, encontrando-se, sobretudo, nessas porções, arenitos de diferentes idades e, às vezes, entremeados por siltitos, argilitos, conglomerados e calcários.
(  ) Cinturões orogênicos antigos, datados de diversas idades do pré-cambriano e que constituíam, em períodos passados, bacias geossinclinais estreitas e alongadas.
(   ) Estruturas encontradas em três grandes áreas do território brasileiro: a plataforma das guianas, a plataforma sul-amazônica e a plataforma do São Francisco.
(   ) Terrenos mais antigos e arrasados por muitas fases de erosão, essas áreas constituem-se por uma grande complexidade litológica com prevalência de rochas metamórficas.

A sequência correta, na ordem de cima para baixo:
a - 2,3,2,1,1.
b - 1,3,1,2,2.
c - 3,1,2,1,1.
d - 2,2,3,1,3.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra A )

Fonte: Concurso Público Prefeitura Ouro Preto - MG. 2011.

Tsunamis

Em 22 de maio de 1960, pescadores na ilha de Chiloé, sul do Chile, ao sentirem fortes vibrações de um dos maiores terremotos já registrados, correram para o mar em suas embarcações tentando se proteger. Dez a quinze minutos após o terremoto, o mar recua dezenas de metros e volta em seguida numa onda gigantesca destruindo todos os barcos. Apenas na ilha de Chiloé 200 mortes forma contabilizadas. Até no Havaí, a 10.000 km de distância, os efeitos destas ondas causaram mais de 60 mortes e milhões de dólares em destruição. (TEIXEIRA, W. Decifrando a Terra. São Paulo: Oficina de Textos. 2001. p.62).


Sobre as origens e ocorrências de Tsunamis, todas as alternativas abaixo estão corretas, exceto:

a - As ondas gigantes têm origem em um deslocamento rápido da coluna de água na área epicentral de um terremoto ocorrido em uma falha próxima ao fundo do mar.
b - As ondas gigantes, ocasionadas por terremotos com epicentros no mar, são frequentes na região costeira estadunidense banhada pelo Oceano Atlântico.
c - Tsunamis são ondas gigantescas e destrutivas, que podem atingir regiões costeiras após a ocorrência de um grande terremoto com epicentro no mar.
d - Tsunamis são frequentes no Pacífico, devido à existência de falhas inversas nas zonas de subducção.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra B )

Fonte: Concurso Público Prefeitura de Ouro Preto - MG. 2011.

Origem do termo Bug de Computador

Bugs são erros em algum programa de computador que o faz parar ou não funcionar adequadamente. A origem da palavra significa inseto, literalmente. 


"O termo originou-se do primeiro computador do mundo, o Mark I, construído em 1944 em um laboratório da Universidade de Harvard. Ocupava uma sala inteira e era um labirinto de cabos conectando válvulas e circuitos eletromecânicos. Quando estava em operação, surgiu um erro persistente, e ninguém conseguia descobrir a causa. Após horas de pesquisas, um assistente de laboratório finalmente solucionou o problema. Aparentemente uma mariposa havia pousado em uma das placas do computador e, tendo morrido pelo choque elétrico, criou um curto-circuito. A partir de então, os erros de computador passaram a ser frequentemente chamados de bugs".

Fonte: BROWN, Dan. Fortaleza Digital. São Paulo: Editora Arqueiro. 2008.

Globalização

O termo globalização começou a ser utilizado a partir da década de 80, em universidades norte-americanas para elucidar as transformações provocadas pela expansão dos mercados mundiais. Levando em consideração o processo de globalização não podemos afirmar:

a - Alguns especialistas a consideram como a atual etapa do capitalismo marcada pela integração dos mercados sobre o amparo dos meios de comunicação e informação.
b - Vence as barreiras espaciais produzindo uma sensação de vivermos em um mesmo tempo em conexão com o conjunto da humanidade.
c - Sobrepõe ao espaço um emaranhado de redes materiais e imateriais que fomentam uma conexão entre os territórios.
d - Tem relação significativa com a revolução tecnológica ocorrida no século XX, quando a informática e a internet aproximam os mercados e modifica as formas de comunicação no mundo.
e - Eleva a condição de apropriação de novas tecnologias ao tecido social de forma homogênea em uma inclusão digital sem precedentes, mas esbarra na falta de condições materiais necessárias ao bem estar social.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra E )

Fonte: Concurso público prefeitura de Sto Antônio do Tauá - PA.

Malthus

Os pensamentos de Thomas Robert Malthus encontram-se ainda vivos, através do pensamento neomalthusiano, quando se considera o crescimento da população como elemento determinante do desenvolvimento social. Destarte é correto afirmar que:

a - A teoria neomalthusiana se estabelece vigorosamente no pós Primeira Guerra Mundial, voltado para uma leitura dos países em desenvolvimento, onde a população não se configura como fator de influência no nível de desenvolvimento.
b - Os neomalthusianos conservam os pensamentos de Malthus integralmente, principalmente no que se refere ao crescimento populacional que excede a capacidade de abastecimento vital ao ser humano.
c - A teoria neomalthusiana promove uma interpretação das diferentes realidades apresentadas no planeta, pautado sobre as possibilidades de conceder visibilidade às relações de trocas desiguais entre os diferentes países, sendo esta sua explicação sobre a dinâmica populacional do mundo.
d - Segundo a teoria neomalthusiana, a existência de uma população que excede às possibilidades de desenvolvimento econômico explicaria o subdesenvolvimento de certos países.
e - Esta teoria endossa que a grande quantidade de pessoas em países desenvolvidos oportuniza um investimento maior em hospitais e escolas devido à esmagadora quantidade de população.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra D )

Fonte: Concurso público prefeitura de Sto Antônio do Tauá - PA.

População e alimentação

"A miséria seria, na verdade, um obstáculo positivo, que atual ao longo de toda a história humana, para reequilibrar a desproporção natural entre a multiplicação dos homens - o crescimento populacional - e a produção dos meios de subsistência - a produção de alimentos. Por trás dessa constatação estaria uma lei natural: a do crescimento da população num ritmo geométrico e dos produtos de subsistência em um ritmo aritmético." (DAMIANI, Amélia Luisa. População e Geografia, 8ª edição. São Paulo: editora Contexto, 2004:13).

A citação acima abordada se refere à:
a - Teoria Marxista de Condocert, Godwin e Walace, cujos postulados se voltavam para uma sociedade igualitária como solução para a miséria.
b - Teoria Neomalthusiana, que recuperou os pensamentos de Malthus na sua integridae, propondo uma sociedade de iguais.
c - Teoria Malthusiana, onde a miséria é necessária, sendo um fator funcional para equilibrar o crescimento da população em relação à produção de alimentos.
d - Teoria Malthusiana, sendo o pauperismo necessário à redução de matrimônios, onde seria mais fácil sustentar os filhos, o que permite se criar uma sociedade igualitária.
e - Teoria Malthusiana, que trás para o interior de seus compêndios o pauperismo, onde segundo Malthus, a assistência do Estado é necessária e bem vinda.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra C )

Fonte: Concurso público Prefeitura de Sto Antônio do Tauá - PA.

Gente inteligente!!!!!!!!

Clique na imagem para ampliá-la.

O avanço da tecnologia pelo interior do Brasil

O avanço da tecnologia de telecomunicações pelo interior do Brasil. Tão importante quanto a rede de transporte, a comunicação entre os vários lugares é de fundamental importância para melhorar as condições de vida dos brasileiros. E existem pessoas interessadas nisso, mesmo em locais onde empresas não atuem por não considerar viáveis economicamente.

Rede de celulares, telefones fixos, internet por rádio ou banda larga. Locais antes isolados vão aos poucos se integrando em uma Rede Geográfica. A Globalização exige dos lugares a integração, sob pena de exclusão dos benefícios socialmente construídos. E o bem mais importante que a tecnologia talvez leve consigo é a informação. Os cidadãos podem se beneficiar muito com esta disseminação de tecnologia.

Veja o documentário: crianças em salas de aula no Amazonas estão na "febre" dos celulares em salas de aula. Minas Gerais e as cidades que estão conseguindo agora sinais dos aparelhos móveis. Roraima e a internet via rádio em comunidades pouco urbanizadas: a internet é de 1MB e dividida entre mais de cem pessoas - a velocidade ainda precisa chegar. 



Uma versão controversa sobre a história do mundo...

Do início de tudo, passando pelo início da vida na terra, a extinção dos dinossauros, a vida dos homens das cavernas, a vida no antigo Egito (teriam os aliens construído as pirâmides daquele país?), as descobertas marítimas, a Revolução Francesa, a detonação de ogivas nucleares na Segunda Guerra Mundial, a corrida espacial, a conquista da lua, a vida moderna e um futuro digamos controverso...

Tudo ao som do Rock!

A vida sem tecnologia é possível?

Os bastidores de uma equipe de reportagem tentando descobrir uma pessoa em Belo Horizonte que não faça uso do celular! Difícil!

E também: você sabe enviar uma carta pelo correio? O repórter também não sabia. Veja isso...



Outra questão que surge: as crianças de hoje, adeptas de redes sociais e aplicativos de mensagens instantâneas, saberiam mandar uma carta pelo correio em caso de necessidade? E quando se tornarem adultas? Existem escolas que querem abolir o uso de cadernos e trabalhos escritos a mão. Os defensores dessa ideia dizem que os computadores já fazem esse serviço. Não seria um erro?

Imagine se da noite para o dia as pessoas não pudessem usar mais seus computadores para se comunicarem por texto! Imagine o ano de 2050! A sociedade está a cada dia mais dependente da tecnologia, não é perigoso para a humanidade, principalmente na questão independência das pessoas?

A tecnologia faz bem, mas tudo deve ser consumido com parcimônia.

Sobre a importância da coletividade...

"Nenhum de nós é tão bom quanto todos nós juntos."

RAY KROC, um dos responsáveis pelo sucesso da McDonald's.


OBS: Vide exemplo do time de futebol Barcelona, em 2011. Todos jogam bem, assim o fardo fica menos pesado para todos, resultando em uma ótima produtividade. Depender de um único talento é arriscado.

Como o Google ganha dinheiro?

Você sabe como o Google lucra?

Quando se precisa fazer uma pesquisa na internet, a maioria das pessoas no mundo utiliza o serviço de busca do Google. O melhor é que o serviço é gratuito. Mas não é tão grátis assim. O Google é uma das maiores empresas do mundo, tem seu nome como uma das marcas mais valiosas também. E não é fazendo filantropia que uma empresa teria esse porte mundial.

Uma em cada sete pessoas no mundo acessa o Google. Isso dá um bilhão de usuários únicos por mês, com duzentos minutos mensais por visitante de média. E é exatamente neste tempo gasto que o Google sabe fazer dinheiro. E muito dinheiro: a receita da empresa é de mais de US$ 29 bilhões, e corresponde a soma do PIB - Produto Interno Bruto - dos 28 países mais pobres do mundo, como Serra Leoa, Libéria e República Centro-Africana.

O Google tem variados produtos, em destaque o Gmail - serviço de correspondência eletrônica-, o Blogger - serviço que dá suporte a este blog -, o Google Chrome - navegador de internet que está se popularizando rapidamente, - o Google Plus - uma rede social rival do Facebook, mas que parece não estar emplacando -, o Google Maps - serviço popular de  cartografia, disponível com fotos em grandes cidades pelo mundo -  e o próprio Google - serviço de pesquisa, produto mais utilizado e rentável.

Google luta para derrubar rival no campo rede social. No Brasil o Orkut, produto do Google, já caiu,  e o Google + ainda luta para se manter. Tudo pela audiência, já que redes sociais costumam manter muita gente horas na frente do PC.

Cerca de 97% do lucro da empresa é proveniente de publicidade inserida nesses serviços disponibilizados gratuitamente ao usuário final. Os outros 3% vem de produtos e serviços pagos. Nota-se assim que a gratuidade dos seus principais serviços é compensada pela elevadíssima audiência. E como é compensada! 

Audiência: essa é a palavra-chave. Como a televisão aberta, o meio de lucrar é basicamente o mesmo. Mas em vez de propagandas em intervalos de tempo constantes, a propaganda é inserida sempre visível, e os cliques dos usuários nessas visualizações é que trazem as maiores rentabilidades para o gigante do Vale do Silício, nos EUA.

E se a ideia é manter você como audiência, então a estratégia é oferecer variados produtos, que, em caso de sucesso, manterão você por mais e mais tempo online. Mas em caso de fracasso, são descontinuadas sem a menor consideração com quem está utilizando o serviço. Essa foi a receita da retirada do ar do Google Buzz - serviço que boa parte dos usuários de produtos Google nem sabia o que fazia. Quem estava usando reclamou.

Então, você que pensava que o Google fazia tudo de graça para você, atualize-se. Afinal na economia atual ainda vale aquela máxima: "Não existe almoço grátis!". Lembre-se dessa frase quando alguém disser a você que algum serviço online é gratuito. Você paga, com sua audiência.

Fonte: Portal Olhar Digital. Disponível em: http://htl.li/7LztG. Acesso em: 02 dez 2011.

Sobre o fracasso...

O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo com mais inteligência.

HENRY FORD. Fundador da montadora de automóveis.




Evolução dos tempos...


Resumão Tipos Climáticos


Fatores como latitude, altitude, maritimidade, continentalidade, pressão atmosférica e influência das correntes marítimas também ajudam a definir os dez tipos principais de climas do mundo. Veja a seguir as peculiaridades de cada um:

Polares: é o clima com as menores temperaturas do planeta: no inverno, ela permanece em torno de -30ºC e, no verão, a média é de 4ºC. está presente no extremo norte do Canadá, da Rússia e do Alasca, em parte da península Escandinava e na Antártica. A umidade relativa do ar é alta entre 70% e 80%, mas a precipitação, bastante reduzida: cerca de 100 milímetros de neve acumulados ao ano. 

Temperados: Apresentam as quatro estações bem definidas. Há diferenças entre os locais próximos e os que estão longe do mar. E se dividem, basicamente, em:

 - Temperado Mediterrâneo: É o clima predominante no sul da Europa, golfo do México e sudeste da China, entre outras regiões. Os verões são quentes e secos – a temperatura chega a 30ºC – e os invernos, moderados e com um pouco de chuva. As mínimas de temperatura podem atingir 0ºC.
- Temperado Continental: Também de latitudes médias, o temperado continental está presente nas áreas interiores da América do Norte, da Europa e do leste da Ásia. O inverno é muito rigoroso e o verão quente - as médias de temperatura são -5ºC e 24ºC, respectivamente. As chuvas são escassas, sobretudo no inverno. É interessante notar que, apesar de estarem ambos nas mesmas latitudes, os climas temperados oceânico e continental são muito diferentes, por causa da distância em relação ao mar. No temperado continental, é a continentalidade que justifica a umidade relativa do ar mais baixa e a grande amplitude térmica anual.
- Temperado Oceânico: Presente nas regiões de litoral das latitudes médias, como o oeste e noroeste da Europa. As chuvas são abundantes durante o ano e as temperaturas não sofrem muita variação - os invernos são frios (média de -3ºC) e os verões, frescos (média de 15ºC). A proximidade com o mar (maritimidade) é um fator de influência nesse clima: a água, que demora mais para se aquecer e, depois, para se esfriar, mantém a amplitude térmica baixa no continente. As chuvas bem distribuídas no decorrer do ano também se devem à umidade da região litorânea, que recebe as massas de ar do oceano. 

Tropical: Fica nas áreas entre os trópicos de Câncer e de Capricórnio, cobrindo grande parte do território brasileiro e do continente africano, Índia, península da Indochina e norte da Austrália. O clima é quente, com média anual superior a 20ºC. As chuvas são intensas no verão e, no estante do ano, ocorrem mais nas regiões próximas ao mar. No Sudeste Asiático, destacam-se as chuvas de monções, tempestades torrenciais provocadas pelo vento úmido que sopra do oceano. Quando começa o verão, o continente se esquenta rapidamente, formando uma zona de baixa pressão, e as massas de ar do oceano trazem as chuvas; essa dinâmica, comum em outros pontos do planeta, tem maiores proporções nessa região em virtude da vastidão da terra (o continente asiático) e de mar (os oceanos Índico e Pacífico) envolvida no fenômeno.

Equatorial: Quente e úmido durante o ano todo, está presente na região da linha do Equador e nas áreas de baixa latitude, como a América Central, a Indonésia, a região central da África e o norte do Brasil. A umidade relativa do ar é elevada, com média anual de 90%, e a chuva é abundante durante o ano todo. A temperatura também é alta e estável, com média anual de 25ºC ; 

Subtropical: É o clima das regiões ao sul do trópico de Capricórnio: sul de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. A quantidade de chuva não varia muito durante o ano, mas as temperaturas mudam bastante: o inverno é frio e o verão, quente. 

Tropical Árido:  Ocorre em regiões como o Saara, o centro da Austrália, norte do México e sul dos EUA. O índice pluviométrico é baixíssimo: a média anual de precipitação é inferior a 250 milímetros, o equivalente a cerca de um mês de chuva no clima equatorial. A umidade relativa do ar também é muito baixa, cerca de 40%. A amplitude térmica diária é elevada: de dia a temperatura ultrapassa os 40ºC e, à noite, chega a graus negativos.

Continental árido: Clima seco, presente nas regiões temperadas: Ásia Central (Cazaquistão, no interior da China e Mongólia), Patagônia e planalto oeste das Montanhas Rochosas (EUA). A precipitação é tão escassa quanto a do clima tropical árido, abaixo dos 250 milímetros por ano, mas, diferentemente deste, a temperatura apresenta grande variação no decorrer do ano: no verão, a média é de 17ºC e, no inverno, de -20ºC.
Montanhoso: Ocorre nas cadeias de montanhas ao redor do globo: áreas elevadas dos Andes, Montanhas Rochosas, Alpes e Himalaia. É um clima frio, com temperatura que diminui 6ºC a cada mil metros de altitude. Acima dos 2 mil metros há neve constante. A umidade relativa do ar varia conforme o lado da cadeia: a média é de 90 do lado do vento (barlavento), caindo para até 30 do lado contrário (sotavento). A quantidade de precipitação também é variável, chegando a 2 mil milímetros por ano nas regiões tropicais.
Fonte: Portal Guia do Estudante. Disponível em: http://guiadoestudante.abril.com.br/estudar/geografia/resumo-geografia-tipos-climaticos-646812.shtml. Acesso em 25 nov 2011.

De saída...


Processos erosivos...

Analise a descrição de dois processos erosivos e marque a afirmativa correta.



I - São características erosivas relativamente permanentes nas encostas, possuindo paredes laterais íngremes e, em geral, fundo chato, ocorrendo fluxo de água no seu interior durante os eventos chuvosos. Algumas vezes se aprofundam tanto que chegam a atingir o lençol freático. O desmatamento, o uso agrícola da terra, o superpastoreio e as queimadas, quase sempre, são responsáveis pelo surgimento desse evento erosivo, associado com o tipo de chuva [...].

II - São formadas quando a velocidade do fluxo de água aumenta nas encostas, tornando o fluxo turbulento. O aumento do gradiente hidráulico pode ocorrer por uma série de motivos: aumento da intensidade da chuva, aumento do gradiente da encosta, ou ainda, por que a capacidade de armazenamento de água, na superfície, é excedida, e então a incisão começa a acontecer no topo do solo. São, quase sempre, iniciadas a uma distância crítica do topo da encosta, onde o escoamento superficial se torna canalizado. O desmatamento e o uso agrícola da terra podem acelerar tais processos.

a  - I é voçoroca e II é ravina.
b - I é ravina e II é voçoroca.
c - I e II são voçorocas.
d - I e II são ravinas.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra A )

Fonte: Concurso público Prefeitura de João Monlevade. 2011. Adaptado.


Grupos terroristas


Qual grupo terrorista tem a sua atuação específica nessa região?
a - IRA.
b - ETA.
c - Taleban.
d - Al Qaeda.
e - As Farc.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra B )

Fonte: Concurso público Prefeitura João Monlevade - MG. 2011.

O cubo mágico

Quebra-cabeça tridimensional, inventado pelo húngaro Ernő Rubik em 1974. Originalmente foi chamado de "Cubo Mágico" pelo seu inventor, mas o nome foi alterado pela Ideal Toys para Cubo de Rubik. 

Ele possui várias versões. A versão 3x3x3 é a mais comum, composta por 54 faces e 6 cores diferentes. Atualmente existem campeonatos de resolução do cubo. E existem pessoas que o resolvem próximo do tempo de 10 segundos! Veja o vídeo abaixo:

Movimentos

Início
Existem várias resoluções do cubo mágico. A de competição permite a resolução do cubo 3x3x3 em 10 segundos, ou menos. O inconveniente é que você terá que memorizar uma quantidade muito grande de fórmulas, o que não será abordado aqui. 

E como resolver o cubo memorizando 6 (seis) fórmulas? Essa é a proposta deste site: o aprendizado pelo Método de Camadas. As primeiras instruções estão abaixo.

Movimentos e nomenclatura
Se você está no estágio inicial, anote em uma folha de caderno a nomenclatura abaixo (em amarelo). Vai facilitar seu aprendizado.

D - direita horário: movimente o cubo em sua parte direita no sentido horário.
D' - direita anti-horário: movimente o cubo em sua parte direita no sentido anti-horário.

E - esquerda horário: movimente o cubo em sua parte esquerda no sentido horário.
E' - esquerda anti-horário: movimente o cubo em sua parte esquerda no sentido anti-horário.

T - topo horário: movimente o cubo na parte do topo no sentido horário.
T' - topo anti-horário: movimente o cubo na parte do topo no sentido anti-horário.

F - frente horário: movimente o cubo na parte da frente no sentido horário.
F' - frente anti-horário, movimente o cubo na parte da frente no sentido anti-horário.

B - base horário: movimente o cubo na parte de baixo no sentido horário.

B' - base anti-horário: movimente o cubo na parte de baixo no sentido anti-horário.

Ajuda
Veja o pequeno vídeo abaixo. Ele apresenta os movimentos da nomenclatura acima. Servirá para você se acostumar com as seis fórmulas que serão apresentadas nas próximas postagens. Se quer aprender a resolver o cubo, você deve vê-lo.

Objetivo 1

Introdução
Se você já está acostumado com os movimentos do Cubo, o seu primeiro objetivo é formar uma cruz no topo. Mas uma cruz no topo em que a cor coincida com as cores centrais de cada lado do cubo. Conforme abaixo:

Este é o  1º objetivo

Ajuda
Este objetivo é conseguido de maneira intuitiva, não existem fórmulas prontas de utilização. Veja o pequeno vídeo abaixo. Ela ajudará a saber como fazer. 

Enquanto o ônibus não passa...


Grande cidade: atrativo para os pobres

"Como a grande cidade já era um lugar atrativo para os pobres desde o período anterior à globalização, esta contribui para aumentar a atratividade."
(SANTOS, Milton; SILVEIRA, Maria Laura. Brasil: território e sociedade no início do século XXI)


Assinale a alternativa que apresenta uma das causas para a afirmativa acima:
a - Os terrenos para habitação têm preços mais acessíveis.
b - Serviços melhores do que os oferecidos nas cidades médias.
c - Maior possibilidade de acesso aos objetos técnicos modernos.
d - Maior mobilidade decorrente de um melhor sistema de transporte.
e - Acolhimento de muitas atividades do circuito inferior da economia.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra E )

Fonte: Concurso público Oficiais do Exército Brasileiro. 2010.

Tecnopolos


Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra D )

Fonte: Concurso público Oficiais do Exército Brasileiro. 2010.

Biomas pelo mundo


Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra E )

Fonte: Concurso público Oficiais do Exército Brasileiro. 2010.

Zonas áridas pelo mundo

O mapa abaixo mostra a distribuição das áreas áridas e semi-áridas do planeta. Assinale a alternativa mais adequada à figura:



a - As áreas axureadas do mapa representam ecossistemas onde atual sistemas morfoclimáticos de subúmidos, portanto com forte predomínio da ação química.
b - A área A, representa o conjunto morfoclimático subúmido com intensa ação de movimentos de massa, como os fluxos de lama e terra.
c - As Florestas Equatoriais representam a maior faixa de biodiversidade do planeta, onde importantes rios atual processos de lixiviação e laterização.
d - A vegetação hidrófila e palustre do Atacama (área C) é consequência da lata pluviosidade anual e proporciona uma ótima barreira contra a erosão eólica.
e - A área B refere-se às áreas de ocorrência de sistemas morfoclimáticos onde predominam processos de erosão eólica e grades variações de temperatura.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra E )

Fonte: Concurso público Oficiais do Exército Brasileiro. 2010.

Atração ao capital móvel

"Se os capitalistas se tornam cada vez mais sensíveis às qualidades espacialmente diferenciadas de que se compõe a geografia do mundo, é possível que as pessoas e forças que dominam esses espaços os alterem de um modo que os torne mais atraentes para o capital móvel."
(HARVEY, David. Condição Pós-moderna)


Assinale a alternativa que tem correspondência com o texto acima:
a - A competição dos lugares.
b - A urbanização modernista.
c - A involução metropolitana.
d - Homogeneizações territoriais.
e - As dinâmicas de regionalização.

Resposta correta: selecione o espaço entre parênteses abaixo.
( Letra A )

Fonte: Concurso público Oficiais do Exército Brasileiro. 2010.

Objetivo 2

Introdução
Na postagem anterior você viu que o primeiro objetivo do cubo é a formação de uma cruz no topo, uma cruz que coincida com os centros laterais. Cruz no topo feita, agora deve-se partir para o segundo objetivo. 

E qual é? Veja abaixo:

Este é o 2º objetivo: resolver a 1ª camada

Fórmula
Esta etapa precisará do uso da primeira fórmula. Então pegue uma caneta e um pedaço de papel para anotar:

D' - B' - D - B : Direita anti-horário, base anti-horário, direita horário, base horário.

O objetivo é o acerto dos quatro cantos superiores do cubo, terminando a primeira camada.

Ajuda
O vídeo abaixo aborda novamente o Objetivo 1, a montagem da cruz no topo. E aborda o Objetivo 2, com a utilização da fórmula passada acima. Veja-o, pois você visualizará a posição do cubo em que deverá ser aplicada a fórmula.

As 10 mais lidas